Associação Nacional dos Agentes de Segurança Institucional do MPU e CNMP

POLÍCIA JUDICIAL: DISPONIBILIZADO ACÓRDÃO PELO CNJ

FOTO: SECOM CNJ

Brasília, 11 de setembro de 2020

O CNJ disponibilizou, na quinta-feira (09), o Acórdão da decisão referente à regulamentação da Polícia Judicial. A aprovação, se deu por unanimidade, aconteceu em sessão extraordinária ocorrida na última terça-feira (08).

No voto, o relator da matéria, conselheiro Mário Guerreiro, destaca o número crescente e alarmante de ameaças e ataques aos magistrados e servidores “que exsurge a necessidade de robustecer os normativos deste Conselho sobre a matéria, por meio, agora, do disciplinamento das atividades dos agentes e inspetores da polícia judicial e do exercício do poder de polícia administrativa no âmbito interno dos tribunais, dada a importância dessa categoria de servidores na busca pela efetiva preservação da segurança institucional do Poder Judiciário…”.

Mário Guerreiro também apresenta a minuta de Projeto de Lei que regulamenta o poder de polícia administrativa no âmbito dos tribunais, dispondo sobre as atribuições funcionais dos Agentes e inspetores de Polícia Judicial.

Para o ministro Dias Toffoli, a alteração da nomenclatura reafirma a efetividade de que o Judiciário possui servidores que atuam na segurança e defesa dos integrantes do sistema de todo o Poder. “Eles atuam ali com o poder de polícia interno porque têm o poder de defender a ordem e a segurança no ambiente de trabalho”, frisou.

A categoria debate a possibilidade de elaboração de uma PEC  para a alteração do Artigo 96 da Constituição Federal, que trata da competência dos tribunais em organizar suas secretarias e as administrações. Visando a estruturação e a regulamentação da atividade.

Desde o ano de 2002, lideranças representativas dos Agentes de Segurança atuam pela aprovação de uma resolução sobre a criação da Polícia Judicial. A AGEMPU entidade representativa de classe dos agentes de segurança do MPU e CNMP, ja começou as tratativas pela POLÍCIA DO MPU.

“A vitória do segmento, dos Agentes de Segurança do Poder Judiciário e agora, Agentes de Polícia Judicial, nos motiva e nos mobiliza na luta pela simetria”, finaliza Laercio Bernardes coordenador geral.

 Acórdão da decisão do CNJ

Quem somos

Enquete

Desculpe, não há enquetes disponíveis no momento.

Convênios


Associação Nacional dos Agentes de Segurança Institucional do MPU e CNMP
SAF-SUL Quadra 04, Lote 03 - Sala S.04.4
DTI/AGEMPU Brasília - DF
CEP: 70.050.900
Tel: (61)3224-9273 / (61)3223-6707


Por GB Criação de sites